Finalmente criei coragem de ser encoxada ate o fim com uma deliciosa gozada

Hoje é um data de comemoração pra mim. Escrevi no site tem alguns meses e foi algo incontrolavel, comecei a ler os contos aqui e meu desejo foi se aflorando ao ponto de eu cometer loucuras como masturbar com meus pes o marido de uma amiga e de outras aventuras muito quentes que ainda não tenho coragem de contar. Eu tenho a bunda grande e isso sempre fez com que eu levasse elogios e provocaçoes e claro, algumas vezes era encoxada em transporte publico e eu ficava completamente irriada, saia de perto. Mas desde que comecei a me arriscar mais na minha vida sexual nova tenho sentido vontade de ser encoxada bem fundo numa multidão. Preciso confessar que outro dia saindo da academia resolvi pegar um onibus sem necessidade so para sentir meu ibope, e fiquei assustada e excitada em sentir logo de entrada que um cara mal encarada nao teve vergonha de encostar seu jeans duro na minha calca legging vermelha, pude sentir algumas movimentaçoes e minha nadega se abrindo e aquele volume entrando, mas quando foi se aproximando da entrada da minha bucetinha fiquei desconcertada e com vergonha, dei o sinal do onibus e desci com o coração acelerado. Cheguei em casa ainda assustada e a noite logo que coloquei minha filha pra dormir transei muito gostoso com meu marido, quis fazer anal de quatro imaginando que estava com aquele estranho, meu marido ate estranhou eu pedir anal assim pois normalmente quando ele quer é de ladinho, mas ali não, eu me deixei bem aberta e ele meteu com gosto, talvez uma das vezes que ele mais gozou, foram tres ejaculadas dentro de mim, e eu perdi as contas de quanto gozei pensando naquele estranho.

Bom confesso que experiencias do tipo se repetiram esses dias, até que hoje o desfecho foi diferente. Como de costume meu marido deixou eu e minha filha na escola dela, e apos ela entrar eu vou ate a academia. Comprei um bodyleg vermelho e confesso que quando o coloquei a primeira vez me senti uma puta, tenho a pele bem clarinha e os olhos claros, o contraste me deixou com a bunda maior e mais gostosa. Não mostrei para ninguem, hoje quando coloquei ele fiquei na duvida se usava calcinha ou não, arrisquei sem calcinha, mas pra não dar na cara coloquei meu protetor de bunda (uma pochete de borracha) e um moletom por cima, parecia que usava uma calca legging normal.

Bem assim que os deixei fui ate o ponto de onibus do lado do metro Santa Cruz, estava lotado o ponto, bom tirei minha blusa, e a pochete da cintura, estava de bodyleg vermelho, os bicos dos meus seios ficaram duros na hora de tesão e frio, debaixo daquela roupa eu não usava nada, estava completamente nua, sem pelo algum, qualquer pau que deslizasse sobree minha bucetinha ou cuzinho deslizaria gostoso ate meus buraquinhos umidos. Cheguei no ponto, recebi alguns olhares, mas tudo comportado, consegui me apoiar no poste do ponto, com a minha bundona virada para a calcada, queria atrair um pau bem gostoso. Dito e feito, um cara que mal olhei bem mas me parecia mal encarado e de roupa simples pediu licenca e ficou dentro do ponto, na minha lateral, bem era o meu grande momento, virei de costas pra ele e dei aquela puxada na região da cintura cavando bem meu body, o ponto mais uma vez enchia, e nisso tive que dar dois passos curtos pra tras, agora eu ja podia sentir seu corpo muito proximo, ate que finalmente senti algo duro escorregando sobre minha bunda, eu arrepiei, meu coracao passou a bater muito rapido, quis fugir na hora, mas olhei ao redor todo ocupados com seus celulares, ali so ele me vi, ou melhor via minha bunda, decidi ir mais pra tras, sim, fui eu, eu comecei a encaixar seu pau na minha bunda , eu podia sentir aquele membro quente abrindo espaco, meu coração quase saltava pela boca, mas meu tesão não me permitia correr, dei mais um passo pra tras, a esta altura eu sentia seu membro todo entre minhas nadegas, com a forca da musculatura eu contraia minha bucetinha e relaxava, juro que achei em alguns momentos que ate fosse gozar, ao mesmo tempo que eu fazia isso minhas nadegas se contraiam e eu mastigava aquele pau, pela sensação que me dava acho que ele estava com seu membro pra fora ali na rua, ou então estava com uma calça de algum material fino sem cueca, não sei.

Chegou um onibus , o ponto inteiro se movimenta, nessa hora não tive duvidas e comecei a mexer mais bruscamente, chegou a um ponto que eu praticamente pressionava o cara contra o fundo do ponto, eu esava literalmente quase sentando em seu pau quente, finalmente ele se projetou pra frente, parecia querer furar minha calça e comer meu cuzinho ali sem pudores, e então senti um calor imenso, pensei comigo que ele estava me enxarcando de esperma ali no meio do ponto, isso me deu um tesão intenso, eu queria virar e ver mas não podia, o calor parecia aumentar de area, certeza, ele estava gozando em mim e sua porra se espalhando pela minha bunda com tesão, ouvi um gemido baixo, morri de novo, e tesão. Ele se afastou, eu me afastei. Continuei imovel. Outro onibus chegou e ele saiu, so entao passei a mão na minha bunda, minha mão voltou fedendo a esperma e toda melada , que tesão que fiquei. Eu queria ver o estrago.

Amarrei minha blusa na cintura, fui pra academia direto pro banheiro, tirei a blusa da cintura e vi as varias manchas com seu esperma. Minha mao saia melada cada vez que passava. Não aguentei treinar, tive que ir para casa. Pouco tempo depois cheguei, tirei meu tenis, minha meia, e meu bodyleg vermelho, me olhei no espelho, havia esperma no meu corpo, atravessou o tecido, olhei para o chão, eu estava fazendo uma poca com meu lubificante de tanto tesão, subi na cama, fiquei de quatro, na parte com a maior mancha e mais melado enfiei na boca o tecido, era gosto de esperma, cheiro de esperma no meu nariz, sabia que estava sujando todo meu gosto, com a bunda bem empinada, passei a me masturbar na frente e atras ao mesmo tempo, imaginado os dois estranhos me possuindo ao mesmo tempo, em muito pouco tempo comecei a gozar, meus buraquinhos ficaram mais molhados e macios pedindo mais dedo. me masturbei praticamente a manha toda.

Foi incrivel.

[email protected]

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
21/11/2017 14:15:34
Como gostaria de está no lugar do desconhecido e sarrar seu bundão !!!!
dmm
30/08/2017 14:16:03
Sensacional sua vadia, conte mais aventuras.
29/08/2017 20:42:28
Lugares públicos mexem com a imaginação de todos nós!
29/08/2017 19:14:24
Uau! Como você é Tesuda!!!! Adoraria te comer com força.
29/08/2017 17:32:59
Nossa, delicioso. Você é a putinha que eu pedi aos céus. Seu marido é um privilegiado. Faça bastante sacanagem nos ônibus e depois trepe bem gostoso com ele.

Online porn video at mobile phone


contos eiroticos leilaporncontos porno casadas no estadio de futebolbelas coroas fazendo oral e metendovideo macjo goza na teta da mulher e corno lambeelq sentou ebsima do meu pauvideos emprestei minha esposa gostosa para um amigo dotado 2017novinha nao aguentor rola groca desmaior xvidioNoviha cemtano no carahaopregacao tema a mulher de suzemconto eroticos mulher do corno na borracharialoira rabuda fudendo de bruso rs 2013 2014contos eroticos nao aguentei e transei com a minha cadelajege tarado arromba tua dona apaixonado vidio pornonovinha dormindo de Baby Doll padrasto canamulher pelada ao fundo som de colerinhalourudas gozando por cimamagrınha nosexoxvideo irma de shortinho desabotoadovarios enchendo abuceta de poraxmassageando a bunda da mulher no ônibus devviagemestupro esposa contos eroticosirmãzinhas trazando com irmãomeu filho pintudo contoveterinaria coletando semem de cavalo x videosxvidiocasadas na baladassenhor dos contos eróticos assalto com estuprosexo expkicito gratis exibindo cacetaobaixar jogos de Ferrari deixando o rapaz tirar o sutiã dela para mamar nos peitosarrobadapoumponecontos gay trombadinha casa dos contospau mostro q gata nao aguenta e pede pra da um tempo pq sua buceta ta doendoWww.contoeroticocomcunhada.com.brFudendo a prima ela pidiu arego mais eu nao deixeiquero ver a racha da xana por cima do choque por cima de shortinhoeternos apaixonados cap 7 conto gaycontos eroticos em praia de trindade trintona rabuda experimentando anal com novinho pirocudo xnxxxvideo espoza nao aguentou ver cazal fudendoconto erotico gay meu dono dei meu cu de presente de aniversarioconto erotico tio salva vidaf****** a b******** lisinha amarrada de perna aberta brasileirabucetao da mae fazendo muito barulho quando o pauzao entra dentro do seu bucetao cabeludo videoXvideo a pica do irmao era tao grande que ela nao guetou verporno escola inspetor e alunoSou mulher casada meu compadre me fodeuhttp://porno contos eroticos meteu e gozou dentrocontos eiroticos leilaporne já te mandei tu também vai vídeo pornô adoro sexo de lavadoracontos das bordas da conaminha mulher tatuou a dama de espadas na bunda contos eroticospornodoido negao mendigo com branca grátismeto cazeiro pra ajeitar pau tortointiadinha so vestidinho limpondo casa pornocontos eroticos o novato da escola 8porno ele e louco pra fuder a tia " depois de tantas punheitas ela deixa fodercarolas daigreja crente com peitos e bunda bem grande peladasvidros prno insetos fodendo mae emprensadaXVídeos pastora mulher numa aposta de sinucacontoerotico chantageado por pbussetas cuspindo porra2 mulequis regaca a buceta da novinha branquinha tesudaconto erotico minha esposa de babydollvideo nwgao pisudo renta cu da travestipornu filho ajuda a mae cadeirante a tomat banho nuaxvidio porno zelado comi fazedeiramulher marrou ele e martuba devagarinmenina lavando roupa bem gostozinha pozisao gostozacontos eroticos filha 3, 4, 5, 6, 7, 8, 9 aninhosfoto devigilante pintudovidioporno ospiratasvideos de sexo gay imperador sendo puta dos guardas do palacioquero ver mulher fazendo sexo pornô na frente computador com tema de borracheiros o meladohetero esperimentamdo pau do amigo xvideopintudo lasca a priminha